Mulher-Hulk

by

Info/ Curiosidades/ Outras Mídias

She-Hulk – Stan Lee e John Buscema
Primeira Aparição:
Savage She-Hulk 1 (1980)
Nome: Jennifer Walters
Outros Nomes: Jennifer Jameson, Jennifer Smith, Giganta de Jade, Enfermeira Jennifer Esmeralda, Glamazonia, Hulkinha.
Nacionalidade: Norte-Americana (Los Angeles, Califórnia, EUA) Terra 616
Raça: Humana (Alterada por raios gama)
Status: Ativa

Poderes:

– Força, agilidade e resistência sobre-humana, super velocidade

– Regeneração espontânea

– Resistência contra magia e mental, percepção visual, transformação instantânea, energia gama infinita intrínseca, pescoço intrínseco.

– Saltos a grandes distancias

Equipamentos:

Habilidades:

excelente atleta e artista marcial.

Características Psicológicas:

Características Físicas:
Como Jennifer :
Cabelos castanhos, estatura mediana

Como mulher-Hulk
Pele verde, olhos e cabelos verdes escuros, aproximadamente 2 metros de altura, musculosa porém nem tanto. Sua aparência transformada, foi criada pelo seu subconsciente, com a ideia do que seria uma mulher com um corpo perfeito, por isso ela não tem um físico monstruoso como o de Hulk.

Outras Características:
Identidade publicamente Conhecida.

Afiliações: Quarteto Fantástico, Vingadores, Noivas de Set, Magistrati, Caça-Hulk, SHIELD, Cruz Verde, Defensores (Adjunta), Heróis de Aluguel, Vingança da Rainha, Força Fantástica, Caça-Hulk (Contraterra), Iniciativa, Libertadoras

Base de Operações:

Ocupação: Advogada – Diploma de Direito na UCLA, atriz, ex-agente da SHIELD, ex-escrava mineira.

Parentes Conhecidos:
Pai – Wiliam Morris Walters
Mãe (morta) – Elaine Ann Banner Walters

Tio (morto) Brian Banner
Tia (morta) Rebecca Banner
>>Primo – Robert Bruce Banner (Hulk)
>>Prima por afinidade – Elizabeth “Betty” Ross Talbolt Banner (Mulher-Hulk Vermelha)
>>>>Primos de Segundo Grau – Skaar
>>>>Primos de Segundo Grau – Hiro-Kala
>>>>Primos de Segundo Grau – Lyra

Tia (supostamente morta) – Susan Elizabeth Banner (Susan Drake)
Tia – Cassandra Walters Pike (Miolos)
>>Primo – David Pike (Músculos)

>>Ex-Marido – John Jameson

Relacionamentos: Clint Barton, Wyatt Wingfoot, Starfox, John Jameson, Homem de Ferro, Hercules

Biografia: (Atualizações recentes em verde)
1-Infancia: Filha do xerife da polícia de Los Angeles Morris Walters, Jennifer Walters desenvolveu sua forte noção de justiça pelo exemplo do pai. Ela e sua melhor amiga, Jill Stevens, frequentemente tomavam conta de seu vizinho, Daniel “Zapper” Ridge, que logo desenvolveu uma paixão duradoura por ela.

Jen passava seus verões em Charlestown, Ohio, com seu primo por parte de mãe Bruce Banner. Apesar de haver uma diferença de cinco anos entre os dois , eles logo se tornaram tão próximos quanto irmãos. Muitas vezes, passavam longas noites lendo um para o outro na biblioteca local; entretanto, perderam contato depois que Bruce mudou sua especialização para física nuclear.

Apesar de seu pai torcer para que seguisse seus passos na carreira policial, Jen queria ser dançarina. A caminho de um dos recitais de dança de Jen, o carro de sua mãe, Elaine, bateu de frente com outro veículo, matando-a; oficialmente, a embriaguez do outro motorista foi apontada como causa do acidente mas Morris Walters acabou descobrindo que havia sido um atentado contra sua vida, organizado polo mafioso local, Nick Trask.

Depois da morte de Elaine, tanto Jen quanto seu pai retraíram-se em obsessões com a lei e a justiça; Morris enfiou-se em seu trabalho e Jen nos estudos de direito, compelindo-se a atingir o topo. Frequentando Harvard, Jen não se misturava e nem farreava, e acabou se formando com méritos.

Ela tinha a escolha de entrar para qualquer uma das melhores firmas de advocacia, mas optou por um escritório particular; apesar de ser uma excelente advogada, muitas vezes perdia casos para o arrogante auxiliar de promotoria Joachim “Buck” Bukowski.

2-Origem: Quando Nick Trask incriminou o rival mafioso Lou Monkton por assassinato, Jen assumiu a defesa de Monkton. Esperando abalar Trask, estabeleceu um boato de que tinha provas implicando-o como o assassino, pouco antes do seu primo fugitivo Bruce Banner (que se tornou o incrível Hulk). procurá-la. Jen havia acabado de levá-lo de volta à casa dela quando os homens de Trask a balearam. Bruce encontrou Jen com o apêndice perfurado e, enquanto corria com ela para um hospital como o Hulk, foi atacado pelos Campeões. O atraso quase custou a vida de Jen. Ciente de que sua prima havia perdido sangue demais, Bruce lhe deu uma transfusão de emergência e fugiu momentos após a chegada das autoridades.

Recuperando-se no hospital, Jen odiou a forma como se sentia vulnerável, alheia às mudanças mutagênicas que o sangue irradiado de seu primo estava causando em seu corpo; quando os capangas de Trask tentaram dar cabo dela, a adrenalina acionou a transformação de Jen numa forma maior e de pele verde, apelidada de “Mulher-Hulk” por um de seus atacantes.

Fortalecida tanto psicológica quanto fisicamente, jurou a si mesma que a Mulher-Hulk lidaria com tudo que Jennifer Walters não conseguisse lidar. Tentando eliminá-la novamente, os homens de Trask armaram seu carro para explodir; infelizmente, sua amiga Jill morreu em seu lugar, e a testemunha Buck Bukowski pensou erroneamente que a Mulher-Hulk a tinha matado. Para dissuadir ameaças adicionais , Jen deixou o público, incluindo seu pai, pensar que ela havia morrido.

Trask sujou ainda mais o nome da Mulher-Hulk utilizando um robô assassino verde, antes de aparentemente morrer enquanto atacava a super-heroína com um autômato gigante, a Serpente de Prata.

Com o público agora ciente de que Jen estava viva, a Mulher-Hulk apresentou os restos do robô verde para desvincular seu nome daqueles ataques; entretanto, continuou a ser considerada culpada pela morte de Jill. Tendo compartilhado seu segredo com Zapper, agora um estudante de medicina, Jen lhe pediu que analisasse uma amostra sanguinea, preocupada por estar mudando com a menor provocação, e temerosa que a personalidade cada vez mais forte da Mulher-Hulk pudesse subjugar a sua. Ralphie Hutchins, o amigo de Zapper, conduziu-o ao Dr. Michael Morbius, que já fora conhecido como o “Vampiro Vivo” e agora trabalhava no campus sob vigilância policial. Morbius idendifico uma doença degenerativa fatal no sangue de Jen e forneceu-lhe um soro que não só curou a condição da moça, como também deu a ela controle sobre as mudanças. Jen, por sua vez, representou Morbius no tribunal, reduzindo múltiplas acusações de assassinato para homicidio culposo, apesar de seu pai tê-la renegado furiosamente por isso. Logo após, a Mulher-Hulk conheceu o Deus Estelar (John Jameson), ajudando-o indiretamente a salvar a moribunda Outra Realidade que ele protegia. Jen descobriu que gostava cada vez mais de ser a Mulher-Hulk, preferindo batalhas contra inimigos como Ultima, o Homem-Elefante, Marcial e Matadora do que lidar com os interesses românticos de Zapper e seu novo rival pelo afeto de Jen, Richard Rory, ou com a crescente alienação de seu pai. Enquanto isso Buck finalmente descobriu a verdade sobre a morte de Jill e limpou o nome da Mulher-Hulk.

Ralphie levou a amostra sanguinea que Zapper havia lhe dado a um ambicioso geneticista, o Doutor, que enganou Zapper para atrair a Mulher-Hulk a uma armadilha, esperando usar o seu sangue para criar um exército de supervilões; quando ela se libertou, Doutor transformou Rakphie num monstro, Bruto, para enfrentá-la. Depois de escapar, a Mulher-Hulk disse a Zapper que sua traição era a última gota, anunciou que nunca mais mudaria para Jen e deixou Los Angeles. Transformando Ralphie numa série de supervilões – Rastro, Radius, Torque e Lorde Terra – , Doutor usou-o tanto para perseguir a Mulher-Hulk quanto para forçar sua presença no submundo de Los Angeles por meio de seu representante, Nuance, mas a Mulher-Hulk o deteve com a assitência dos amigos e do pai arrependidos. Tendo se reconciliado com as pessoas de quem era mais íntima, a Mulher-Hulk partiu numa viagem de carro, encontrando o caronista Coisa (Ben Grimm) e impedindo que Anulador causasse uma fusão de núcleo na Usina Nuclear Diablo.

3- Vingadores: Chegando finalmente a Nova York, Jen aceitou o convite de Vespa de se unir aos Vingadores. Ela rapidamente provou seu valor em batalhas contra Os Mestres do Terror, os Formor, a IMA, e o exército de trolls de Tirannikus; entretanto quando o Campeão do Universo escolheu os habitantes masis fortes da Terra para enfrentá-lo, ela ficou decepcionada pelo alienígena machista tê-la deixado de fora da lista. A Mulher-Hulk gostou da camaradagem da sua equipe, logo tornado íntima tanto da Vespa como da Feiticeira Escarlate (Wanda Maximoff) apesar do seu relacionamento com o Gavião-Arqueiro (Clint Barton) ter sido mais hostil.
Enquanto isso seu primo Bruce Banner assumiu o controle da forma do Hulk, e, para o deleite da Mulher-Hulk, recebeu um perdão presidencial pelos seus crimes do passado. Quando os Vingadores auxiliaram o Golias Esmeralda contra o seu antigo inimigo, o Líder, os primos esverdeados tiveram sua primeira chance de conversar adeuquadamente desde a transformação de Jen. Bruce pediu-lhe desculpas por transformá-la num monstro como ele, mas ela lhe disse que via a mudança como uma dádiva, que transformou-a de vítima em alguém com o poder para fazer o bem.Mais tarde, Bruce admitiria que veio a considerar a Mulher-Hulk como um de seus poucos atributos redentores, um caso que não apenas salvara apenas a vida de um ente querido, mas ajudara a criar uma heroína.
Durante uma revanche contra Os Mestres do Terror , o Homem Radioativo tranformou a Mulher-Hulk de volta em Jen usando raios gama; no inicio, ela ficou assustada, incapaz de reverter a sua forma esmeralda, mas o Gavião Arqueiro provocou-a deliberadamente até desencadear a transformação; as ações do herói deram inicio a uma duradoura amizade.

3.1- Guerras Secretas I: A Mulher-Hulk foi raptada junto com outros heróis pelo poderoso Beyonder, que os transportou ao Mundo Bélico para enfrentar um agrupamento de seus inimigos. Quando Aríete, da Gangue da Demolição, aparentemente matou a Vespa, a Mulher-Hulk invadiu sozinha a base dos vilões, quase derrubando a Gangue da Demolição inteira antes que a recém-criada supervilã Titânia (Mary MacPherran) tomasse parte, virando a mesa.

As duas mulheres batalharam brevemente uma contra a outra, mas os vilões reunidos vieram ao resgate de Titânia quando a Mulher-Hulk ficou em vantagem. Humilhada, Titânia mais tarde se tornaria uma das adversárias mais persistentes da Mulher-Hulk. Depois que os heróis finalmente venceram e se preparavam para voltar para casa, o Coisa contou à Mulher-Hulk que pretendia ficar para trás por algum tempo e pediu que ela tomasse seu lugar no Quarteto Fantástico.

4- Quarteto Fantástico: No inicio sentindo-se como uma intrusa na equipe, a Mulher-Hulk logo se tornou parte da família. Durante uma batalha contra o extraterrestre Terminus, ela conheceu o antigo aliado do Quarteto, Wyatt Wingfoot, que virou seu namorado.
Um paparazzo trabalhando para a revista de fofoca a”A Verdade Nua” fotografou a Mulher-Hulk se bronzeando no telhado do Quarteto, usando o vento do seu helicóptero para expô-la temporariamente; Jen foi incapaz de impedir a publicação das fotos, mas a gráfica, sem saber que as fotos deveriam ser verdes, corrigiu a cor delas, tornando Jen irreconhecível. Quando o Coisa finalmente voltou do Mundo Bélico, a Mulher-Hulk achou que sua temporada como o Quarteto estava no fim, percebendo que o que havia começado como um trabalho como substituta tornara-se algo especial; entretanto, Ben decidiu não voltar à equipe. Quando o Quarteto Fantástico perseguiu o maligno Homem Psíquico até o Microverso, o vilão os capturou e aprisionou a Mulher-Hulk nas minas de Nuvidia, condicionando-a artificialmente a ficar aterrorizada demais para usar sua força contra os carcereiros; entretanto, a fugitiva Princesa Pearla ajudou-a a sobrepujar sua lavagem cerebral.

Receosos que a Mulher-Hulk pudesse perder o controle como já ocorrera com seu primo, alguns elementos no governo dos EUA ordenaram que a SHIELD a aprendesse para análise, durante a Operação Genes Verdes. Eles teleportaram a Mulher-Hulk, Wyatt e vários transeuntes de uma rua de Nova York para o Aeroporta-Aviões da SHIELD, onde o sádico Agente Dooley supervisionou um exame torturante; entretanto, um dos outros abduzidos era hospedeiro de um coletivo de baratas malévolas que se alimentava de radiação. Ele escolher Dooley como seu novo hospedeiro e derrubou o porta-aviões, esperando causar uma fusão em seu núcleo de energia; a Mulher-Hulk destruiu as baratas e deteve a fusão, mas foi exposta a níveis elevadíssimos de radiação. Depois disso, incapaz de voltar a sua forma humana, pediu para o Sr. Fantástico (Reed Richards) examiná-la. Não encontrando nenhuma causa física, Richards convocou secretamente o psicólogo Leonard Samson, que concluiu que a Mulher-Hulk simplesmente não queria se tornar Jen de novo; Reed mentiu para ela e lhe disse que a radiação havia criado uma trava genética que impedia sua transformação, uma desculpa que ela aceitou alegremente.

Nos meses seguintes, o quarteto fantástico enfrentou os Skrulls, Dr. Destino, Beyonder, Blastaar e o Aniquilador. Descobrindo que seu primo Bruce havia sido separado do Hulk, a Mulher-Hulk correu para seu leito de hospital. Mais tarde, ajudou a subjugar o agora irracional Hulk, para que ele e Bruce pudessem ser reunidos, salvando a vida de seu primo.

A Mulher-Hulk também foi à caça do Coisa, que havia desaperecido na Califórnia e brigado com a namorada, Miss Marvel (Sharon Ventura), mas não conseguiu localizá-lo. Seus colegas de equipe tiveram mais sucesso, e o coisa voltou a integrar o Quarteto Fantástico.

5-Vingadores: Sentindo-se sem rumo, Jen voltou aos Vingadores a tempo de enfrentar os Deuses do Olimpo, cujo soberano, Zeus, culpava injustamente a superequipe pelos graves ferimentos que Hercules sofrera enquanto agia com a equipe. Ao lado de Thor, a Mulher-Hulk combateu pessoalmente o rei dos Deuses, até que Hércules se recuperou o bastante para fazer Zeus perceber que agira com imprudência. Após comparecer ao casamento de Johnny Storm e Alicia Masters (secretamente a Skrull Lyja), a Mulher-Hulk foi atraída para o torneio do Colecionador com a Morte pela vida do Grão-Mestre, e foi morta por Drax, o Destruidor, unindo-se temporariamente à Legião dos Mortos-Vivos antes de ser restaurada de volta à vida. Quando Heavy Metal, a equipe robótica de Superadaptóide atacous os Vingadores, a Mulher-Hulk lutou contra o Assombroso Andróide do Pensador Louco, que mais tarde se tornaria uma parte importante de sua vida. Depois de ser mentalmente manipulada pleo Dr. Druida e Nebulosa (na verdade a Terminatrix), a Mulher-Hulk deixou a equipe, precisando de tempo paa ficar sozinha. Ela voltou aos tribunais contestando a constitucionalidade da recém-decretada Lei de Registro de Mutantes em nome da jovem mutante Theresa Handel.

A Mulher-Hulk foi trabalhar para o promotor público Blake Towers, e logo descobriu que o emprego havia sido parcialmente arranjado pela secretária dele, Louise “Ise” Mason, a ex-heroína da 2° Guerra Mundial, Fantasma Loura. Jen continuou alternando sua carreira de direito com a heróica, enfrentando inimigos como o Circo do Crime, os Cabeças e o Dr. Bong. Lutou ao lado de Javali contra Xemnu, o Titã que procurava fazer dela sua parceira; trabalhou com Nicolau Natalino (Papai Noel) para descobrir provas contra um maníaco assassino em série; e protegeu o consultor de imagens Lexington Loopner de Pseudo-Man. Tendo se afastado desde que largara o Quarteto Fantástico, a Mulher-Hulk procurou Wyatt e retomou seu namoro. Ambos chegaram até a ficar noivos, mas logo acabaram rompendo novamente. Voltando aos vingadores, a Mulher-Hulk estava dentre as heroínas brevemente hipnotizadas para servirem como “Noivas de Set” durante o plano fracassado de Ghaur de restaurar o deus ancião Set na Terra; ela também estava entre os Vingadores que ajudaram a mudar a opinião pública contra uma proposta Lei de Registro de Superpoderes. Ela enfrentou seu primo, David Pike, agora supervilão Músculos, e descobriu que a produtora Grandes Obras Cinematográficas, de Kang, o Guerreiro, estava fazendo um filme não-autorizado da Mulher-Hulk; planejado para fracassar para Kang fraudar seus investidores, o filme provou ser um surpreendente sucesso, permanecendo como lotação esgotada por mais de dez semanas. A seguir, auxiliada por Howard, o Pato; o Crítico de Terror, a Mulher-Hulk impediu que o Bando dos Brandos do Dr. Ansiedade misturasse várias realidades para criar o mundano insipiverso. Como membro dos Vingadores, ajudou a frustrar uma fuga da Superprisão Guta e enfrentou Terminus; os Fora-da-Lei; Stellaris; Ngh, o Imencionável, e os Tetrarcas da Entropia. Ao lado de Nosferata, subjugou Jack Serious e os internos do Asilo Idiotham, e a Loura Fantasma (a filha de Ise, Wanda Mason) ajudou-a a deter o Partido Pureza Americana de Jasper Keaton.

Depois derrotar a Adrenazona; Spragg, o Monte Vivo; o Toupeira e os Exumados do Garra Negra, o confito no qual inadvertidamente ganhou o criado zumbi Garth, a Mulher-Hulk reatou seu namoro com Wyatt e passou o Natal com o seu pai, temporariamente tornando-se Jen outra vez graças ao presente de Nicolau Natalino. Wyatt ajudou-a a enfrentar o Apagador Vivo da Dimensão Z e Mahkizmo, antes que a Mulher-Hulk e Ise se aventurassem no espaço para enfrentar Spragg e Xemno de novo, salvando o Javali, Tayrn O’Connell e Rocky Racum do D’Bari Vuk e dos Xartanos/Copiadores. Capturada durante essa última aventura, a Mulher-Hulk fez um Ovóide numa cela adjacente para dar a ela o poder de trocar mentes; pretendendo trocar de mentes com Ise para que ela pudesse deixar seus outros aliados a par, a Mulher-Hulk acabou descobrindo que a radiação gama em seu sangue interferiu no processo, fazendo com trocassem de físicos e não de mentes. O par voltou à Terra, onde Ise aproveitou um breve período como a nova Mulher-Hulk, antes de a normalidade ser restaurada.

O robô Zona de Guerra atacou a Mulher-Hulk, introduzindo uma toxina em sua corrente sanguinea para remover gradualmente seus poderes. Ela buscou ajuda de Zapper, agora um brilhante hematologista, sem saber que Zona de Guerra havia sido enviado pelo sogro de Zapper, Hector DeVasquez, que acreditava que matá-la removeria a competição de sua filha pelos sentimentos de Zapper. Chegando a Los Angeles, a Mulher-Hulk enfrentou o Abalador, que a matou; descobrindo que os raios gama estavam impedindo a decomposição pós-morte do cérebro dela, Zapper a reviveu com uma infusão de raios gama, transformando-a brevemente em uma forma mais selvagem e musculosa. Atacada novamente por Zona de Guerra e DeVasquez, a Mulher-Hulk foi sobrecarregada pelo último tanque gama, que a fez revertar a forma Jen; o Hulk forneceu voluntariamente outra transfusão para restaurar seus poderes. Depois lutou ao lado do seu primo contra o Bifera, enfrentou Electro e o Besouro Escarlate, e terminou com Wyatt.

Diablo controlou a mente da Mulher-Hulk para fazê-la roubar a estátua do Guardião de Chthon, mas a Força Fantástica a libertou, e ela se uniu ao grupo por um tempo. Depois de ajudar Doutor Samsom a caçar o assassino em série com poderes gama Remendo, que tirou seus poderes por um breve período, Jen enfrentou Massacre ao lado dos Vingadores, do Quarteto Fantástico e de outros heróis. Quando a maioria dos Vingadores ativos aparentemente morreu naquela batalha, foi oferecida à Mulher-Hulk uma vaga em tempo integral nos Vingadores, mas ela recusou, concentrando-se em seu serviço legal. Seduzida a sair da promotoria de Tower para se tornar sócia no escritório de Jeryn Hogarth, Jennifer foi noemada advogada dos Heróis de Aluguel, auxiliando-os contra a Força de Ataque Um do Mestre do Mundo, os Acólitos de Exodus e o Homem-Fera, e desfrutandod de um curto romance com Luke Cage. Os heróis que Massacre havia “matado” foram salvos pelos imensos poderes psíquicos de Franklin Richards e transportados para a sua Contraterra, renascidos, inicialmente sem poderes ou memórias de suas antigas vidas, ao ladod e contrapartes dos amigos e familiares que ficaram em casa. Os heróis deslocados acabaram voltando para casa, acompanhados pela Mulher-Hulk da Contraterra, que acreditava erroneamente ser a original. Quando entraram em sua realidade natal, a segunda Mulher-Hulk foi absorvida por sua contraparte. Reunindo-se aos Vingadores Jen enfrentou o Modelo, Kulan Gath e o Conde Nefária antes de se unir ao Quarteto-Fantástico temporário de Tocha Humana (com o Homem-Formiga e Namorita) para enfrentar a Corporação Gideon e o Assombroso Andróide. Depois que o Hulk e outros membros veteranos dos Defensores foram enlouquecidos e se tornaram a tirânica Ordem, Falcão Noturno reuniu as contrapartes femininas deles, incluindo a Mulher-Hulk, para derrotá-los e devolvê-los ao normal. Ela também voltou para o seu antigo emprego como promotora pública de Tower.

Quando os Vingadores investigaram a liberação da arma biológica Banho de Sangue perto do Monte Rushmore, a Mulher-Hulk foi exposta ao vírus. Seu companheiro de equipe, Valete de Copas, tentou removê-la, mas seus poderes enegéticos transformaram-na acidentalmente numa Mulher-Hulk mais selvagem, que, com um salto, foi embora à procura de Bruce. Agora, suas transformações erama cionadas pelo medo, e ela estava brutal e destrutiva como Mulher-Hulk. Jen seguiu para Bone, Idaho, onde Hulk havia sido visto recentemente, mas os Vingadores a alcançaram e ela mudou, demolindo grande parte da cidade em sua fúria; finalmente, foi subjugada com ajuda do Hulk, e Valete de Copas corrigiu o equilíbrio da radiação gama dentro dela; entretanto, a culpa que sentiu por causa de Bone fez com que mudasse involuntariamente a Jen durante o sono e farreasse demais durante o dia. Seu estilo de vida hedonista acabou forçando os Vingadores a despejarem-na de sua mansão e Blake Tower a demiti-lá.

A prestigiada firma de advocacia Goodman, Lieber, Kurtzberg & Holliway contratou-a para trabalhar em sua seção de Lei Super-Humana, apesar de Holden Holliway ter insistido que queria Jennifer Walters, não a Mulher-Hulk. Sentindo-se um alvo, já que sua dupla identidade era de conhecimento público, ela recebeu um feitiço protetor da Feiticeira Escarlate para que nimguém que desejasse mal à Mulher-Hulk conseguisse vê-la como Jen. Ela se mudou para o apartamento Excelsior, junto com outros empregados da GLK&H, incluindo O Assombroso Andy ( o regenerado Assombroso Andróide) e o colega advogado Augustus “Pug” Pugliesi, que desenvolveu uma enorme paixão por ela;entretanto a principal advogada da GLK&H, Mallory Book, foi menos do que receptiva, vendo-a como rival em vez de colega. Enquanto processava J. Jonah Jameson pelos anos de difamação contra o Home-Aranha, Jen renovou sua amizade com o filho dele, John, e os dois começaram a namorar, para grande aborrecimento de Pug. Depois que a neta de Holden, a superdelinquente Canhota, foi presa, ele arranjou para que a garota fosse soltasob custódia de uma relutante Jen. Quando enlouqueceu e atacou os Vingadores, a Feiticeira Escarlate transformou Jen em sua personalidade selvagem, que acabou hospitalizando a Capitã Britânia (Kelsey Leigh) e matando o Visão. Apesar de saber que estava sob controle de outra pessoa, Jen permaneceu sentindo-se culpada por isso.

A Mulher-Hulk logo foi recrutada para os cósmicos Magistrati do Tribunal Vivo para administrar a lei universal, silenciando o Vigia Qyre a pedido de uma raça extremamente reclusa, um veredicto que irritou o amigo de Qyre, Zoma. Enviada a Skardon para libertar o planeta do domínio do campeão, a Mulher-Hulk lutou contra ele em um ringue de boxe, perdendo rapidamente a primeira luta; ela apelou contra a decisão e treinou como Jen durante três meses, desenvolvendo sua força e aprendendo a lutar com Gamora. Transformando-se para a revanche, sua força aprimorada como Jen foi aumentada exponencialmente como Mulher-Hulk; após forçar o Campeão a remover sua Jóia do Poder, que aumentava a força, por ser uma arma proibida, a Mulher-Hulk espancou-o e o fez jurar que nunca mais usaria a Jóia.

Voltando para casa, achou difícil controlar seu poder ampliado e pegou emprestado o Traje Júpiter, controlador de força, de John Jameson; entretanto, o vingativo ex-Campeão, guiado por Zoma, deu sua jóia a Titânia, que destruiu o Excelcior e os escritórios da GLK&H em Timely Plaza procurando por sua adversária. Titânia nocauteou facilmente a Mulher-Hulk, e ela se tranformou de volta em Jen, que Titânia não conseguia enxergar graças ao feitiço protetor de Wanda. Jen roubou a jóia de Titânia e usou-a para nocauteá-la, mas encontrou-se incapaz de mudar de novo para Mulher-Hulk.

Enquanto Timely Plaza estava sendo reerguido, uma Jen incógnita ajudou a reconstruir Bone, enquanto o Doutor Samson trabalhou num conversor gama para permitir que ela se tornasse a Mulher-Hulk apesar dos bloqueios mentais; mais tarde, o Dr. Estranho restaurou a sua habilidade de se transformar à vontade, removendo o feitiço protetor de Wanda. Retornando à GLK&H, Jen trabalhou num caso de homícidio de viagem no tempo, mas descobriu que os jurados convocados do passado incluíam seu amigo recém-falecido Gavião Arqueiro. Jen tentou lhe passar um bilhete avisando de sua morte, e foi presa pela Autoridade de Variância Temporal (AVT). Ameaçada com a remoção do fluxo temporal  e apresentada a um possível futuro onde algo que ela já havia feito desencadeou a cosmicamente devastadora Guerra do Acerto de Contas, Jen recebeu a pena menor de ter outro prisioneiro da VTA, o Defensor Mascarado, sob sua custódia preventiva. De volta à Terra, seu cliente Starfox a viu discutindo com John e tentou ajudar usando secretamente seus poderes mentais para dexá-la perdidamente apaixonada por Jameson.

6- Vingadores – A queda: Mulher Hulk assiste a morte de Scott Lang e a destruição da mansão e fica em estado de fúria (ampliado pelos poderes da Feiticeira Escarlate). Durante seu ataque, ela destrói o corpo do vingador Visão e ataca os membros da própria equipe ferindo gravemente a Vespa. Após a intervenção do Homem de Ferro, ela é levada em custódia pela SHIELD.

7-Guerra Civil:Na esteira do desastre em Stamford, onde 612 inocentes morreram durante uma batalha super-humana, a Mulher-Hulk representou Speedball e revelou-se a favor da Lei de Registro de Super-Humanos, talvez mudando sua postura passada em parte por causa de suas próprias transgressões recentes; entretanto, também enfrentou o mais forte defensor do Registro, o Homem de Ferro, desafiando-o como testemunha, durante um julgamento, a fechar um site rancoroso que expunha as identidades de ex-Novos Guerreiros.

John Jameson a pediu em casamento e os dois firmaram o matrimônio imediatamente, mas Pug revelou as ações de Starfox, e o vilão Alistaire Smythe transformou John de volta em Deus Estelar. Com a influência de Starfox removida, a Mulher-Hulk percebeu que não amava John, e pediu uma anulação.

8- Iniciativa: Recrutada pela SHIELD por meio das letras miúdas da Lei de Registro Super-Humano, uniu-se aos Caça-Hulk do agente Clay Quartermain recolhendo os antigos inimigos do seu primo, e trabalhou como instrutora no novo programa Iniciativa; entretanto, quando descobriu que o Homem de Ferro havia lançado o Hulk no espaço sideral, a Mulher-Hulk o confrontou e acabou sendo despojada de seus poderes por uma injeção de nanitas. Alertando o Homem de Ferro de que podia causar mais danos como advogada do que como Mulher-Hulk, Jen prometeu destruí-lo. O genial menino fora-da-lei Amadeus Cho, o Gênio Excello, ofereceu-se para restaurar seus poderes, bloqueando os nanitas de Stark, se ela o ajudasse contra o Homem de Ferro, mas Jen recusou, querendo fazer as coisas legalmente.

9- Hulk contra o Mundo: Entretanto, com o retorno do Hulk no comando de um excército gladiador alienígena , Jen usou o tratamento de Cho para restaurar seus poderes e, após uma tentativa frustrada de conversar civilizadamente, lutou contra seu primo e acabou como sua prisioneira.

Mulher-Hulk, o Falcão Noturno, o monstro de Frankenstein e Howard, o Pato, unindo forças como Quarteto Fatal, para lidar com toda a população de Manhattan durante a crise de medo que assola a cidade.

Durante a vinda da Força Fênix na Terra, uma rixa ideológica dividiu Vingadores e X-Men. Ela, Falcão e Cavaleiro da Lua vão até o Instituto Jean Grey se certificar que os mutantes de lá não interfiram na batalha. Mas tudo sai de controle quando a mutante Frenesi os provoca. Dois alunos acabaram feridos e Vampira interferiu enfrentando e derrotando a Mulher-Hulk.

Jen levou a Fundação Futuro ao evento promovido pela Academia Vingadores onde reuniam as super escolas de todo mundo. Mas o evento foi interferido por uma invasão de capangas de Thanos

10- Fundação Futuro: Tocha Humana a convida para cuidar da Fundação Futuro durante a ausência do Quarteto .

image54

She-HulkEla aceitou de primeira formando uma equipe com Homem-Formiga (Scott Lang), Sra. Coisa (Darla Deering) e Medusa.

image27

A viagem demorou mais do que o esperado mas, Mesmo com o retorno do Quarteto FantÁstico, a equipe, com excessão de Medusa, se manteve à disposição caso eles precisassem de ajuda. E realmente precisaram quando enfrentaram um novo Quarteto Terrível.

Mas o Quarteto enfrentaria em seguida uma batalha muito pior e a ajuda de Jen era essencial, dessa vez como advogada. O julgamento começou de forma bastante covarde. O promotor Dr. Toliver trouxe a tona diversos momentos pontuais da história do grupo em que eles causaram algum tipo de dano para a cidade ou a sua população. Jeniffer tentou intervir diversas vezes, mas Toliver já havia pensado adiante e sabia como lidar com cada investida da defesa.

mulherhulk coisa

O Quarteto foi condenado, perdendo a guarda das crianças da Fundação Futuro e acesso ao Edificio Baxter. Jen se culpa por não ter conseguido ajudá-los.

Bibliografia:

– World War Hulk #3

Citações:

aspas

Edições Importantes:
.Primeira Aparição – (Savage She-Hulk #1, 1980) No Brasil – Almanaque Premiére Marvel #1 (Ed. RGE, 19??)

(Contribuições: Caio Ribeiro, Kinhu, Bolivartrask)

Quer acrescentar alguma informação? Encontrou algum erro? Dúvidas? Comente:

Páginas: 1 2 3

24 Respostas to “Mulher-Hulk”

  1. Wagner Eduardo Says:

    Poderes:
    A Mulher-Hulk possui força sobre-humana e pode esmagar 75 toneladas pelo menos. Ela continua treinando para erguer pesos maiores e o limite superior desconhecido de seu potencial. Ao contrário do Hulk, a Mulher-Hulk não pode assumir a forma humana devido à exposição do raio gama adicional, mas retém a inteligência e personalidade normal dela. Em geral, Mulher-Hulk é resistente a ferimentos, dor e doenças: A pele dela é capaz de resistir a extremas temperaturas, como também tremendas tensões e impactos sem feridas de perfuração ou dilaceração. A fisiologia de Mulher-Hulk é altamente eficiente a faz imune a todo tipo de doenças terrestres.

  2. Kinhu Says:

    Muito completo 😛

  3. Luis Felix Says:

    Pelo que diz a sinopse de Mulher-Hulk tá mais que claro que a raça dela é humana!

  4. Nathaniel Essex Says:

    Esta faltando duas coisas logo no inicio da ficha. A participação dela nas Libertadoras (Lady Liberators), e os relacionamentos dela com o Homem-de-Ferro e Hercules (poderia tambem por o Fanatico, mas não tenho certeza se foi ela ou outra versão dela)

  5. Norman Osborn Says:

    foi a outra versão dela, mas essa parte de sua história foi tão “tensa”, que ela ter readiquirido os poderes dela foi atribuido ao Amadeus Cho ao invés dessa outra verão dela, muito confuso Slott cagou nesse arco dela :S

  6. Luisa Says:

    adorei esse site!!
    estou fazendo uma pesquisa da escola e esse site é tudo que preciso!!

  7. Kinhu Says:

    Que bom Luisa, bom saber 😀

  8. karla Says:

    gostei muito

  9. steven Says:

    ela fica mais bonita como She-Hulk! Por causa disso, ela gosta mais de ficar sempre verde! Creio que a pequena dose de raio gama que ela recebeu (via transfusão) a embelezou.

  10. steven Says:

    tem outra kestão. A Fase Savage dela. Quando ela se transformava, as roupas viravam trapo! Imagina quando ela voltava ao normal trajando akele trapo branco na rua! Imagina a dificuldade pra ela voltar pra casa!
    (Sem falar do dinheiro gasto em roupas)

  11. steven Says:

    Se você notar bem… ela é uma mescla da bela e a fera. Pois ela consegue ser uma fera sem ficar feia!

  12. Emerson Padula Says:

    Vingadores o fim: Mulher Hulk assiste a morte de Scott Lang e a destruição da mansão e fica em estado de fúria (ampliado pelos poderes da Feiticeira Escarlate). Durante seu ataque, ela parte o corpo do vingador Visão e ataca os membros da própria equipe ferindo gravemente a Vespa. Após a intervenção do Homem de Ferro, ela é levada em custódia pela SHIELD.

  13. JONATHAN Says:

    87

  14. JONATHAN Says:

    214

  15. Mr. Grey Says:

    Fanático e Mulher Hulk…
    Coitada da cama… e da parede… e do chão que aguentou toneladas em movimento constante…
    :p

  16. Guido Machado (@guidomachado) Says:

    sempre gostei qnd ela percebia q estava num quadrinho e o resto dos personagens achavam q ela tava doida.

  17. Fil Says:

    Para as edições importantes:

    Graphic Marvel #4 – A Sensacional Mulher-Hulk (Abril, 1990)/ Marvel Graphic Novel #18 (Marvel, 1985) – Quando é capturada pela SHIELD e “descobre” que não poderá voltar a forma humana.

  18. Caio Ribeiro Says:

    Morris Walters (pai)
    Elaine-Banner Walters (mãe, falecida)
    Pike Cassandra (tia paterna)
    Brian Banner (tio materno, falecido)
    Susan Drake (tia materna)
    Bruce Banner (primo)
    John Jameson (ex-marido)
    Skaar (primo de segundo grau)
    Hiro-Kala (primo de segundo grau)
    Lyra (prima de segundo grau)

  19. Caio Ribeiro Says:

    Troca de corpos: Graças ao treinamento pelo Ovoid, raça alienígena, She-Hulk pode trocar suas características físicas e poderes com as características físicas e os poderes de outro ser, simplesmente focalizando uma imagem mental da pessoa e da transferência dispostos a ter lugar. No entanto, ela raramente usa essa habilidade.

  20. Gustavo Gonçalves Says:

    Adiciona em relacionamentos o fanatico.Ele dorme com ela em uma revista onde ocorre o julgamento dele.No brasil saiu em x men premium 1 ou 2.

  21. Gustavo Gonçalves Says:

    Corrigindo…
    foi em fabulosos x-men 435

  22. Gustavo Gonçalves Says:

    em qual historia ela dorme com o homem de ferro?e o Hercules?Ela ta no quarteto ultimamente.Alguem tem mais detalhes dessa parte?

    Obrigado

  23. Felipe Says:

    Em AvX…ela vai na escola Xavier vigiar os mutantes e saí no braço com a equipe da Vampira…

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: